Utilizamos cookies próprios e de terceiros para coletar informação estatística do uso de nosso site e lhe mostrar publicidade relacionada com suas preferências mediante a análise de seus hábitos de navegação. Se continuar navegando, consideramos que aceita o uso dos cookies. Você pode mudar a configuração ou obter mais informações aqui.
Fechar
PlanetadeLivros.com.br
A Bíblia do Diabo
Formato único
Compre
R$ 50.90

A Bíblia do Diabo

Editorial: Planeta
Coleção: Outros
Número de páginas: 512
Formato único
Compre
R$ 50.90

A partir de uma história real, o autor cria um romance cheio de suspense, envolvendo o leitor desde a primeira página.

Sinopse de A Bíblia do Diabo:

Criado no século XIII, o Codex Gigas é o maior manuscrito medieval de que se tem notícia no mundo. Seu conteúdo traz uma ilustração do próprio demônio, o que o tornou conhecido como a Bíblia do Diabo e faz com que até hoje sua existência seja rodeada de mistérios. Sua fama é de que é capaz de trazer poder a quem conseguir colocar as mãos nele.

Várias questões rodeiam sua criação: Quem o escreveu? Por que foi escrito? Perguntas que dão origem à trama criada por David Dübell. Mistério, romance e suspense permeiam a narrativa sobre a busca pelo manuscrito por cristãos e não-cristãos, evidenciando até onde um ser humano pode ir levado por sua ambição pelo poder.

O autorA Bíblia do Diabo

O autorA Bíblia do Diabo

RICHARD DÜBELL nasceu em 1962 e vive com a mulher e dois filhos em Landshut, na Alemanha. Depois de sua estreia literária de sucesso com seus dois primeiros romances Der Tuchhändler (O mercador de tecidos) e Der Jahrtausandkaiser (O imperador do milênio), seu terceiro livro Eine Messe für die Medici (Uma missa para os Medici) proporcionou ao autor sua primeira entrada na lista dos mais vendidos.

Ler mais

Ficha técnica

Data de publicação: | ISBN: 978-85-7665-549-7 | Código: 10093712 | Formato: 16 x 23 cm. | Apresentação: Brochura com orelhas | Coleção: Outros

Todas as opiniões de A Bíblia do Diabo

Este livro tem 0 Comentários, seja o primeiro a comentar!
Deixar um comentário