PlanetadeLivros.com.br

Destaque Crítica

Hitler e Stalin

Hitler e Stalin

Laurence Rees

O historiador Laurence Rees, um dos maiores especialistas em Segunda Guerra, combina fortes relatos de testemunhas oculares como uma análise profunda, e mostra como os dois ditadores, Hitler e Stálin, lideraram seus países na guerra mais destrutiva da história.

Sinopse de Hitler e Stalin

Hitler e Stálin, os dois grandes tiranos do século 20, apesar de serem adversários ferrenhos eram também, em grande medida, lados diferentes da mesma moeda. 

Aliados por um breve período durante a Segunda Guerra Mundial, Adolph Hitler e Josef Stálin, posteriormente, tentaram exterminar um ao outro na mais brutal campanha militar já vista na história. No comando da Alemanha e da União Soviética, eles se destacaram do resto da humanidade por causa de suas crueldades e do nível de modificação que causaram no mundo. 

Neste livro, o historiador britânico Laurence Rees monta um retrato comparativo do mal, em que o idealismo é poluído pelo pragmatismo sangrento e o sofrimento humano é usado casualmente como uma ferramenta política. Rees conheceu mais pessoas que trabalharam diretamente para Hitler e Stálin do que qualquer outro historiador.

Hitler e Stálin, os dois grandes tiranos do século 20, apesar de serem adversários ferrenhos eram também, em grande medida, lados diferentes da mesma moeda. 

Aliados por um breve período durante a Segunda Guerra Mundial, Adolph Hitler e Josef Stálin, posteriormente, tentaram exterminar um ao outro na mais brutal campanha militar já vista na história. No comando da Alemanha e da União Soviética, eles se destacaram do resto da humanidade por causa de suas crueldades e do nível de modificação que causaram no mundo. 

Neste livro, o historiador britânico Laurence Rees monta um retrato comparativo do mal, em que o idealismo é poluído pelo pragmatismo sangrento e o sofrimento humano é usado casualmente como uma ferramenta política. Rees conheceu mais pessoas que trabalharam diretamente para Hitler e Stálin do que qualquer outro historiador.

Facebook Crítica & Tusquets