Utilizamos cookies próprios e de terceiros para coletar informação estatística do uso de nosso site e lhe mostrar publicidade relacionada com suas preferências mediante a análise de seus hábitos de navegação. Se continuar navegando, consideramos que aceita o uso dos cookies. Você pode mudar a configuração ou obter mais informações aqui.
Fechar
PlanetadeLivros.com.br
Eu fui a espiã que amou o comandante
Formato único
Compre
R$ 47.90

Eu fui a espiã que amou o comandante

Editorial: Planeta
Tema: História
Coleção: Outros
Número de páginas: 288
Formato único
Compre
R$ 47.90

A história de uma espiã que, acima de tudo e apesar dela mesma, amou o Comandante

Sinopse de Eu fui a espiã que amou o comandante:

Poucas pessoas podem dizer que viram passar diante de seus olhos uma parte fundamental da história do século XX. E não como meros espectadores dos fatos, mas quase devorados por eles. Ilona Marita Lorenz é uma delas. Nasceu na Alemanha em 1939, às vésperas da invasão da Polônia. Seu pai, alemão, era capitão de navio; sua mãe, americana, havia sido atriz.

Quando menina estev no campo de concentração de Bergen-Belsen. Logo depois do fim da guerra, aos sete anos, foi vítima de estupro. Nos anos seguintes, embarcava com frequência em viagens capitaneadas pelo pai. Em 1959, chegou à Havana revolucionária a bordo do Berlin. Um grupo de barbudos, encabeçado por Fidel Castro, subiu no navio.

A atração foi imediata e rapidamente se mostraria fatal. Uma semana depois, o comandante mandava buscá-la em Nova York e a convertia em sua amante. Ela tinha dezenove anos. Logo descobriu-se grávida, mas foi submetida a uma intervenção e o bebê não chegou a nascer... Ou, pelo menos, foi o que lhe disseram. A CIA convenceu Marita de que Fidel era o responsável pelo ocorrido e a enviou de volta a Havana com a missão de assassiná-lo. Mas ela foi incapaz ‑ continuava apaixonada.

De volta a Miami, conheceu o ex-ditador venezuelano Marcos Pérez Jiménez, outro envolvimento que teria sérias implicações. Tudo isso já parece suficiente para preencher duas vidas, mas ainda há mais. 

A trajetória de Marita tem luzes e sombras. Mas, sobretudo, é uma história sobre amar e correr riscos.

O autorEu fui a espiã que amou o comandante

Marita Lorenz

O autorEu fui a espiã que amou o comandante

Marita Lorenz nasceu em 1939, em Bremen, na Alemanha. Atualmente vive nos Estados Unidos.

Ler mais

Outros títulos do autorMarita Lorenz

Ficha técnica

Data de publicação: | Idioma: Portugués | ISBN: 978-85-422-0598-5 | Código: 10133814 | Formato: 16 x 23 cm. | Apresentação: Brochura com orelhas | Coleção: Outros

Todas as opiniões de Eu fui a espiã que amou o comandante

Este livro tem 0 Comentários, seja o primeiro a comentar!
Deixar um comentário